Com time alternativo, Grêmio vence Paraná por 2 a 0


Com gols de Douglas e Juninho Capixaba, Tricolor superou a equipe paranaense na tarde deste sábado

O Grêmio enfrentou o Paraná, na Arena, na tarde deste sábado. Com um time reserva, visto a partida contra o Atlético Tucumán, pela Copa Libertadores da América, que ocorre na terça-feira, 18, o Tricolor venceu por 2 a 0 a partida válida pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Os gremistas imprimiram o seu ritmo na partida, pressionando por muitas vezes os paranaenses. Apesar de maior posse de bola e algumas oportunidades criadas, o marcador só foi aberto no segundo tempo. Aos 8 minutos, Douglas assinalou o primeiro, em cobrança de pênalti. Aos 18′, o segundo: Alisson cruzou da direita na cabeça de Juninho Capixaba que, de dentro da área, mandou para o fundo das redes, encobrindo o goleiro.

Com o resultado, o Tricolor soma três pontos, chegando 44 na tabela, ocupando momentaneamente a quarta posição na competição.

Primeiro Tempo

O primeiro ataque do jogo foi paranaense, pelo lado direito aos 2′, com um cruzamento no segundo poste. Rafael Grampola subiu e mandou de cabeça, mas Paulo Victor defendeu. Em resposta, o Grêmio chegou com uma jogada iniciada por Douglas com Juninho Capixaba. O lateral colocou a bola na área para Alisson, mas o Richard ficou com ela.

Aos 4 minutos, Douglas cobrou uma falta da intermediária de ataque, pela direita, colocou na área, mas a defesa cortou. Em seguida, uma jogada com Léo Moura, que fez um cruzamento meio que rasteiro na área para Matheus Henrique, mas mais uma vez a zaga interceptou o lance.

Com 10′, uma nova oportunidade: o Grêmio trabalhou a bola de pé em pé, até chegar a Kaio, que viu Léo Moura entrando em velocidade pelo lado direito. O lateral recebeu o passe, mas foi flagrado em impedimento. Minutos seguintes, Alisson tabelou com Léo Moura também na direita. O camisa 2 recebeu e invadiu a área driblando a marcação, caiu, mas a arbitragem nada assinalou.

A melhor oportunidade gremista surgiu aos 13 minutos. Juninho Capixaba fez boa jogada individual e serviu Thonny Anderson, de frente para o gol. O atacante chutou, Richard defendeu e, na sobra, Alisson dominou e quando se preparava para a finalização, trombou com o goleiro.

O Paraná teve uma falta a seu favor da intermediária de ataque, pelo meio. Aos 17′, Torito cobrou, mas mandou pra fora.

O Tricolor seguiu atacando. Desta vez, Juninho Capixaba recebeu na esquerda e tentou a finalização, mas Richard defendeu. Da mesma forma, o lance já estava impedido pela posição irregular do jogador.

Outra chance surgiu aos 24′, quando Alisson recebeu passe e finalizou forte, mas mandou por sobre a meta do arqueiro paranaense.

Aos 28 minutos, o Grêmio teve uma nova falta a seu favor. Douglas cobrou na boca do gol, Richard saiu de soco e afastou a bola. No lance, a arbitragem assinalou falta sobre o arqueiro paranaense.

O Paraná teve um escanteio aos 33′. Nadson colocou na marca penal, mas Juninho Capixaba afastou de cabeça para o campo de ataque. No minuto seguinte, o Grêmio teve uma nova falta, agora da extrema esquerda. A bola foi colocada na área, mas a defesa cortou. Na sequência, da direita, Pepê cruzou, a bola passou por todos e saiu a linha de fundo, depois do jogador adversário desviar de cabeça.

Aos 36′, duas grandes chances gremistas. A primeira, Léo Moura encontrou Alisson na pequena área, que finalizou. Richard fez uma grande defesa, dando rebote para Juninho Capixaba, que mandou a gol. A bola passou muito perto.

Mais uma falta gremista, agora na reta final da primeira etapa. Aos 43′, Douglas fez um lançamento buscando Marcelo Oliveira, mas a zaga cortou.

Jogo finalizou aos 48′.

Segundo Tempo

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação e logo no minuto inicial teve um escanteio a seu favor. Alisson cobrou no veneno e no primeiro poste, Thonny Anderson subiu e mandou de cabeça, mas mandou pra fora.

Já o Paraná chegou com uma finalização de Rafael Grampola, mas ele mandou forte, direto para fora.

O Tricolor tramou boa jogada com Pepê, que serviu Thonny dentro da área. O atacante dominou, girou, mas ao cruzar foi bloqueado. Escanteio. Na cobrança, Alisson cruzou e Paulo Miranda subiu sozinho, mas cabeceou para fora, aos 6′.

Outra grande chance veio no minuto seguinte, quando Alisson recebeu um cruzamento na área, demorou para finalizar e acabou barrado pela defesa. Em seguida, o atacante sofreu pênalti, após carrinho de Igor, que acertou o tornozelo do atleta.

Aos 8 minutos, Douglas foi para a cobrança e mandou no meio do gol, com segurança, abrindo o placar na Arena.

Dois minutos depois, foi a vez do Tricolor chegar com uma jogada rápida de Alisson com Kaio, que recebeu e mandou uma bomba, mas a bola bateu na rede, pelo lado de fora.

Aos 18 minutos, Alisson cruzou da direita, precisamente na cabeça de Juninho Capixaba, que de dentro da área, mandou para o fundo das redes, em sua estreia, assinalando o segundo gol gremista na partida.

Substituição: Saiu Pepê, entrou Everton, aos 24′.

Logo na sua primeira participação, Everton, de dentro da área, pegou a sobra de Richard e mandou de primeira a gol, mas chutou por cima, longe da meta.

Substituição: Saiu Douglas, entrou Jean Pyerre, aos 27′.

O Grêmio teve uma falta frontal, em que Jean Pyerre foi para a cobrança, mas a bola bateu na barreira.

Everton fez uma grande jogada individual e serviu Thonny Anderson, livre na área. O jogador optou pelo passe para dentro da pequena área, mas a zaga cortou antes de Alisson chegar.

Substituição: Saiu Alisson, entrou Marinho, aos 36′.

Jogo finalizou aos 48′.

Anterior Seis benefícios da meditação para desempenho profissional
Próximo Flamengo e Vasco empatam por 1 a 1 no Mané Garrincha